Teremos Escola de Administração em 1971

Editado em 18 de outubro de 1970

Pelo parecer no 795 do Conselho Federal de Educação foi autorizado o funcionamento em Santa Rita, da Escola Superior de Administração de Empre­sa?.

O exame de admissão para a primeira turma te­rá realizado no inicio de 1971.

O evento que contribuirá para colocar-nos em posição impar no setor educacional, só frutificou graças aos esforços denodados de alguns santarritense.

Arrastando as dificuldades naturais da empresa, quase uma temeridade, não ouvindo as opiniões der­rotistas dos que nada fazem e em nada acreditam, venceram os obstáculos, triunfaram.

Na verdade, o besouro só desafia a lei da gravi­dade por não aceitar a opinião dos “entendidos”.

Tal qual besouros, novamente, os santarritenses bateram asas, e voaram. . .

Explica-se.

A idéia nasceu há alguns anos, quando a Escola Técnica de Comercio promovia um curso de Admi­nistração, surgindo por parte de alguns alunos e professores.

Na época, foi um sonho apenas.

No entanto, quando fomos visitados pelo Presi­dente Arthur da Costa e Silva, uma comissão foi procura-lo, solicitando do eminente Brasileiro, a colaboração neceísária para o projeto nascente.

Desde o inicio, simpatizando com a causa, o Pre­sidente prometeu auxilio na medida do possível, con­firmado logo depois por carta que remeteu ao Presi­dente do Conselho Federal de Educação onde dizia achar viável a criação de uma segunda escola Supe­rior nesta cidade.

A comissão composta por santarritenses ini­ciou os trabalhos.

Em 1968, contamos com a adesão do professor Luciano Leo Klias, por seu intermédio entramos me contato com a Fundação Getulio Vargas.

Logo depois a comissão designada visitou São Paulo, recebendo o apoiando professor Malterrari que visitou esta cidade.

Estabelecidas as ligações, a Fundação Getulio Vargas passou a orientar o projeto e colocar profes­sores seus a disposição do empreendimento.

Formado o processo, foi o mesmo encaminhado ao Conselho Federal de Educação.

Depois de marchas e contramarchas, foi aprovado

Nossa cidade está mais uma vez de parabéns.

O “Correio” leva duas felicitações aos dinâmicos Santarritenses que compuseram as comissões, à Fun­dação Getulio Vargas e à Conselheira Nair Fortes Aber-Mehry que pediu vistas do processo, levantando uma preliminar que foi aprovada por unaminidade.

Quer dar sugestão e-mail:  jornalocorreio07@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *