Cooperativa dos Cafeicultores reúne onze Prefeitos

Editado em 08 de junho de 1969 edição Nº 44

Numa iniciativa da Cooperativa dos Cafeicultores, reuniram-se no Palácio do Governo Municipal  de Santa Rita do Sapucaí, o executivo de onze municípios do Sul de Minas, para estudarem a possibilidade dos munícipios a elaboração de um Plano Integrado de Desenvolvimento que poderá ser realizado pela Companhia de Planejamentos “IMPAR”.

Os Prefeitos foram recebidos pelo Chefe do Executivo Municipal, Dr, Arlette Telles Pereira, pelo Presidente da Câmara dos Vereadores, Sr. Antônio Portugal Rennó e pelo Presidente da Cooperativa dos Cafeicultores, Sr. Rubens Amaral. Na oportunidade, o Dr. Arlette Telles Pereira, abrindo a “mesa redonda”,  passou a expor a situação da Administração Municipal em geral, dizendo entre outras coisas que todos fazemos uma administração do bom-senso”. Com isso queria o Executivo Santarritense se referir à falta de planejamentos técnicos nos munícipios.

“Não se sabe – afirmou Dr. Arlette, – se aquilo que hoje fazemos com a melhor das intenções não venha amanhã a se constituir num erro”.

A falta de um Plano Integrado de desenvolvimento é uma autêntica ameaça que, mais cedo ou mais tarde, virá decretar o desastre e a falência  da administração que ora se faz.

Não há como se conhecer uma administração pública sem um plano integrado e é impossível a elaboração de um plano técnico para os nossos pequenos municípios, uma vez que as Companhias de Planejamentos tem como primeira condição para a elaboração de um Plano, ter o município o mínimo de 50.000 habitantes. Daí inferir-se que somente com uma integração dos municípios seria possível a realização desse planejamento.

Além disso, o custo do mesmo seria menor.

Segundo fomos informados há uma soma de 10 milhões de dólares destinados a aplicações na região do Sul de Minas.

Como incentivar de indústrias ou a agricultura tecnificada dos municípios com falta d’agua especializada, etc… e como sanar essas dificuldades sem os necessários financiamentos, e como conseguí-lo sem um Plano Integrado?

O Chefe Executivo de São Gonçalo do Sapucaí foi o primeiro a se manifestar favoravelmente a tese, afirmando que “é impossível administrar sem um prévio planejamento”. Logo depois, os Prefeitos de Careaçu, Silvinópolis, Natércia, Cachoeira de Minas, São Sebastião da Bela Vista, Borda da Mata,  Pedralva, Brasópolis e São José do Alegre – se manifestaram favoravelmente.

Quer dar sugestão E-mail: jornalocorreio07@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *